Trajetória :: Livros :: Galerias :: Fotos :: Poemas :: Crônicas :: Pensamentos :: Links :: Contato


REFLEXÃO

É feriadão...
A televisão queimou, o rádio não ligou
Esqueci de comprar o pão
Fui acender o fogo, o gás acabou

Revirei meu olhos e logo vi
Na torneira da pia, a água escorria
Tentei consertar, mas sem jeito algum
Não consegui

Prisioneira de mim, fui para o quarto
Deitei-me na cama, para dormir
Nos meus pensamentos me confundi

Precisava passar a roupa, procurei o ferro
Logo lembrei, não funcionava
E outro não havia comprado

Parti então para o caderno e o lápis
O lápis, a minha sobrinha emprestei
Procurei então usar a caneta
Não escrevia...

Precisava de algo para o tempo passar
Então... Algumas roupas para consertar... A agulha...
Não estava no lugar

Minha última esperança,
Algumas telas pintar
E toda feliz, as tintas peguei, na mesa arrumei
Só faltava a tela e fui pegar no atelier
E para surpresa minha, nenhuma encontrei

Abri a geladeira. O pão velho, mofado
A maionese, o iogurte nem pensar! Vencidos...

Foi então que refleti... O que acontecia?
Não conseguia, em minha casa
As tarefas completar nem tinha comida
Para me alimentar!

Tudo errado, agora entendia se em casa era assim...
Meu patrão tinha razão em me chamar a todo tempo, minha atenção
E eu que pensava ser perseguição
Agora sabia toda a insatisfação!

Margot Carvalho